Capitão

A administração ou gestão financeira é fator importante e determinante para a saúde de uma empresa, seja ela de qualquer porte.

No entanto é muito comum que empresas deixem de realizar uma adequada gestão financeira, ou por ser pequena no início de suas atividades e os sócios não acharem importante esse controle no momento ou porque o sócio não gosta ou não sabe desempenhar essa função de implementar controles e processos, ou acha que não leva jeito e caba deixando pra depois.

Geralmente, nas micros, pequenas e médias empresas o empresário está presente em sua administração, decidindo, pagando contas, captando clientes, negociando com fornecedores, pagando salários, tomando empréstimos e muitas outras funções.

Independentemente do tamanho da sua empresa, a administração financeira feita de forma correta, dará visibilidade à você empresário. Indicando a direção que você deve tomar, como por exemplo, qual produto adquirir e por qual preço vende-lo, como administrar o capital de giro, quanto de capital sua empresa deve ter guardada no final do ano para pagar o 13 dos funcionários, etc.

Podemos comparar o empresário administrador, ao capitão de um navio, que através de ferramentas de orientação coloca o navio para seguir o curso certo.

Quais são essas ferramentas do capitão? leme, radar, bússola, mapas, gps entre outros.

Quais são as ferramentas do empresário? o fluxo de caixa, o controle das contas a pagar e a receber, a conciliação bancaria, os relatórios gerenciais, os relatórios de vendas, de estoque entre outras.

O empresário deve ser como o capitão de um navio, sabe onde quer chegar, e o mais importante, considerar de que forma ele vai fazer essa viagem. Esse detalhe faz toda a diferença.

O empresário deve periodicamente acompanhar através dos dados e relatórios todo o fluxo do dinheiro, pois só assim evitará surpresas. As informações nesses relatórios devem ser confiáveis e registradas diariamente, pois com elas será possível caminhar para um planejamento financeiro, estratégico, tudo em busca de aperfeiçoar os resultados.

Os pontos que mostram claramente quando a empresa não está sendo conduzida na rota certa e o empresário precisa utilizar de ferramentas que vão dar um norte à sua administração, são:

  • Não ter informações sobre o saldo do caixa. - A empresa tem dinheiro para pagar as despesas fixas desta semana?

  • Não ter a informação do montante das despesas fixa do período, ou do Contas a pagar;

  • Não conhecer o valor total faturado pela empresa;

  • Não ter o cálculo correto das comissões dos vendedores;

  • Não ter calculado corretamente o preço de venda de seus produtos e/ou serviços, pois desconhece o custo incidente na aquisição da mercadoria ou no serviço prestado.

  • Não conseguir administrar o capital de giro, pois não tem informação do fluxo de caixa.

  • Não ter informação do valor e quantidade das mercadorias em estoque.

  • Não estipular um valor fixo de pró-labore aos sócios e consequentemente não saber quantos tiram, a que valor.

  • Não elaborar o DR - demonstrativo de resultados e por consequência não saber se a empresa está tendo lucro ou prejuízo

  • Não saber o valor patrimonial da empresa, porque não é elaborado o balanço patrimonial

  • Não considerar a depreciação de maquinas e equipamentos, caso tenha uma indústria.

  • Não saber qual o valor total pago em juros em financiamentos, empréstimos ou contas vencidas.

Nesse momento o empresário começa a identificar que sua empresa precisa de mudanças, de controles, mas em muitos casos desconhece por onde começar.

O mais importante é procurar especialistas que possam diagnosticar os reais problemas de sua empresa e indicar medidas que promovam a organização e por consequência o crescimento equilibrado.

Somente com medidas de organização, controle é que o empresário visualizará os números de sua empresa e poderá tomar medidas necessárias para seu correto desenvolvimento e por conseguinte aumentar sua lucratividade.

O sucesso na gestão de uma empresa está em fazer com que todas as áreas da empresa se entendam, se ajudem, se complementem.

Para isso o empresário/administrador deve buscar ferramentas que possibilitem a ele enxergar os processos mais importante de cada área e ter controle desses processos.

Sheila Luchesi

Veja nosso conteúdo
Conteúdo recente
Arquivos
Procure pelas Tags
Siga nos
  • Facebook Basic Square